sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Um tour no Estádio do Mineirão


Olá!!! O post de hoje traz fotos e conta como foi a nossa visitação ao Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. 

O Mineirão, conhecido carinhosamente como "Gigante da Pampulha", foi inaugurado em 1965 e era o segundo maior estádio do país, perdendo apenas para o Maracanã, até as reformas para a Copa do Mundo. Atualmente, com a capacidade de público diminuída, de 76 para 62 mil pessoas, o Mineirão se igualou a outros estádios considerados padrão para a realização de eventos mundiais. 



A visitação ao estádio ocorre de hora em hora, de terça a sexta-feira, das 9:00 às 17:00h, e sábados e domingos, das 9:00 às 13:00h. Em dias de eventos ou horários de jogos não há visitação. 
Os ingressos para o tour no estádio, com opção de visita ao museu, poderão ser adquiridos nas bilheterias.

O Museu do Futebol, dentro do Estádio do Mineirão, é bem legal. Expõe fotos históricas, objetos, bandeiras e outros itens do futebol e dos times brasileiros.

 
 

*  Valores dos ingressos:
- Visitas ao Estádio e ao Museu Brasileiro do Futebol: Inteira: R$ 14,00 / Meia-entrada: R$ 7,00
- Visita monitorada apenas ao Estádio: Inteira: R$ 8,00/ Meia-entrada: R$ 4,00
- Visita apenas ao Museu Brasileiro do Futebol: Inteira: R$ 8,00/Meia-entrada: R$ 4,00
*Meia-entrada para menores de 21 anos, estudantes, professores e maiores de 60 anos. Crianças até 03 anos não pagam entrada. Guias de turismo credenciados não pagam entrada.

* Observações importantes:
- Em dias de jogos e eventos, não há visitação;
- As visitas ao Estádio acontecem apenas com acompanhamento de educador do Museu Brasileiro do Futebol e estão sujeitas à disponibilidade de ingressos;
- Cada visita ao Estádio tem capacidade máxima de 40 pessoas;
- A bilheteria comercializa ingressos apenas para visitação no dia vigente;
- Vendas de ingressos apenas em dinheiro;
- Fotografias sem uso do flash são liberadas. Não é permitido filmar;
- Não é permitido fumar;
- Não é permitido entrar com mochilas, bolsas e outros no Museu. Há guarda volumes no local (é grátis). 
- Não é permitido consumo de qualquer tipo de alimento ou bebida dentro das dependências do Museu;
- O ingresso fornecido pelo Museu tem validade fiscal. Caso necessite de comprovação do pagamento da entrada, o mesmo será seu comprovante.
- Há acessibilidade para pessoas com deficiência.

A Esplanada do Mineirão fica aberta diariamente, das 7h às 21h (sujeito a alteração em período de eventos) e a entrada é gratuita. 





* DADOS DO ESTÁDIO

1) ARQUIBANCADAS:  Toda a estrutura de arquibancadas do Mineirão cumpre os requisitos da FIFA e assegura uma ótima visão do campo de jogo. Todos os níveis são equipados com banheiros, bares e lanchonetes. A arquibancada inferior tem capacidade para 23.076 assentos e a superior para 39.084 assentos. 




2) CAMAROTES (Área premium): a área nobre do Mineirão é composta de 98 camarotes privativos e confortáveis que constam com alguns serviços exclusivos: Acesso por elevador, vaga no estacionamento, banheiros VIP, varanda exclusiva, ar condicionado, serviços de buffet e acesso a lounge VIP. 


 

3) CADEIRAS/ÁREA VIP: contam com os seguintes serviços: banheiros VIP, acesso a lounge VIP, entrada garantida em todos os jogos de futebol (exceto competições FIFA e Conmebol), preferência para compra de camarotes e ingressos para shows e eventos. 




4) COBERTURA: todo o Estádio é coberto e protege os espectadores da chuva sem prejudicar a insolação do gramado. 

Além disso, o Estádio possui área reservada e destinada à Imprensa, à comissão técnica e aos jogadores (vestiários). Tudo muito moderno, bonito e seguindo os padrões FIFA. 


 
 

Impressão pessoal: o Estádio é grande e muito bonito! Vale a pena reservar um tempinho da viagem e ir até lá para conhecer. Recomendamos!

* Sites com mais informações: 

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Dicas de onde comer em Bariloche - Argentina (Parte 2)

Dando continuidade ao post com dicas de lugares para comer em Bariloche - Argentina (clique aqui ), seguimos com mais algumas dicas. Esperamos que gostem!

* Família Weiss - O restaurante Família Weiss é muito bonito, tem a vista do Lago Nauel Huapi, é grande, com estilo rústico e pertinho de tudo em Bariloche. Fica localizado no Centro, praticamente em frente a Catedral. Seu forte é a culinária patagônica. 




Recomendamos experimentar os pratos com cervo, cordeiro, truta (carro chefe do restaurante) e também as cervejas locais. O restaurante tem um cardápio variado, tem massas também. Quando fomos, experimentamos um prato de massa e o cordeiro patagônico assado. 
  


Site: http://www.restauranteweiss.com.ar/ (estava desativado quando acessamos)
Endereço: Esquina da rua Palácios com a A.V. O’Connor 
Funcionamento: Diariamente das 12:00hs à 01:00h.

* Asador Criollo Don Molina: Com uma decoração rústica e aconchegante, o Don Molina é mais um tradicional restaurante de Bariloche que serve a famosa Parrila Argentina e que vale muito a pena conhecer. 


Além das entradinhas, uma cesta de pães com quatro pastinhas, no Don Molina experimentamos o bife de chorizo e o ciervo assado. Estava excelente!!! 




Ambiente bem organizado, com as mesas prontas para o atendimento (taças lindas, pratos e guardanapos devidamente colocados) e com um atendimento perfeito. Recomendamos!!



Site: Não achamos em nossa pesquisa.
Endereço: San Martín 605, Bariloche. 
Horário de funcionamento: Seg - Dom: 11:30 - 00:30h. 

* Frantom Chocolates:  Se quiser fazer uma parada para um café ou chocolate quente, a maioria das lojas de chocolates de Bariloche possui em anexo um café ou restaurante. Na Frantom Chocolates da Calle Mitre tem uma cafeteria muito boa. O cardápio tem chocolate quente, capuccino, bebidas geladas, alguns tipos de cafés, tostadas, sanduíches, empanadas e uma variedade de bolos.  No local também tem wi-fi grátis para os clientes.

Recomendamos o chocolate quente feito com o próprio chocolate da casa, é muito bom! 




A Frantom Chocolates tem uma loja maior, onde fica a fábrica, na esquina das Calles Juan de Manuel Rosas y Panozz. Muito próximo do Centro Cívico de Bariloche. Ao visitar a fábrica, os visitantes ganham um copo de chocolate quente. Delicioso! 
Além disso, os visitantes podem fazer as suas compras e deixar lá que eles entregam no Hotel onde estiverem hospedados. Assim, pode continuar os passeios e não precisará carregar as sacolas. 

* Endereço: Calle Juan de Manuel de Rosas y Panozz / Calle Mitre. 

* La Esquina Café Bar: localizado em frente ao Centro Cívico, o La Esquina Café Bar serve refeições e café. O ambiente é rústico e bastante aconchegante. O atendimento é muito bom. 

Na primeira vez que fomos pedimos uma Quilmes para acompanhar o nosso lanche, um sanduiche com batatas fritas. 





 

Na segunda vez, pedimos meia pizza marguerita (estava deliciosa!) com um bom vinho argentino.



As porções são individuais, os preços são bons e o local possui internet wi-fi grátis para os clientes. 

Site: Não foi encontrado na pesquisa. 
Endereço: Esquina Urquiza & Perito Moreno. Em frente ao Centro Cívico. 

* Friends: O bar, restaurante e café Friends tem um ambiente bem legal e diferente dos demais lugares que havíamos conhecido: é todo decorado com brinquedos pendurados no teto. O público que frequenta o local é bastante variado, desde famílias até jovens solteiros. E o restaurante possui indicação para o público GLBT. 


No Friends entramos para tomar um café. Por sinal, tudo foi muito bem servido. As porções são individuais e grandes. O preço é bom também. Há wi-fi grátis para os clientes. 


Pedimos uma porção de tostadas com geleia de morango e manteiga, dois chocolates quentes e uma porção de churros com doce de leite. Estava muito bom!
O Friends é o único restaurante que funciona 24h/dia em Bariloche. 

Site: Não foi encontrado na pesquisa. 
Endereço: Calle Mitre, 300. 
Horário de atendimento: 24h/dia. 

Por fim, essas são as nossas dicas de lugares para comer em Bariloche - Argentina. Lugares que tivemos a oportunidade de conhecer e o prazer de recomendar para todos.  Aproveitem!